quarta-feira, 4 de julho de 2012

Amar é...

Viver em harmonia com você e com o mundo... Respeitar para ser respeitado... Amar para ser amado... Não desistir de você nunca!!! Eu posso ser sempre melhor pra mim e para os outros! Ps- Amarás ao teu Próximo como a ti mesmo.JESUS


"Mas as coisas findas, muito mais que lindas, essas...


quinta-feira, 7 de junho de 2012

.Bendito seja Deus





ARMADILHAS DA VIDA

ARMADILHAS DA VIDA Têm momentos na vida da gente que, fala sério, dá vontade de desistir de encontrar qualquer solução! As coisas, como por encanto, se complicam trazendo desânimo e fragilidade, desesperança e um estado de lenta agonia! Realmente, quando a gente não escuta a voz da experiência, a voz que quer tanto bem, é algo assustador.. Quando não estamos preparados para os truques indesejáveis da vida, para suas armadilhas e surpresas o resultado pode deixar dor na alma da gente! Temos que rezar e rezar.. pedir proteção ao Pai Maior para que a gente encontre serenidade e a resposta adequada para que todos se machuquem menos.. Não gosto de saber de amizade sofrendo... De afeto endurecido.. de ternura escondida! Não gosto de me sentir inútil nessas horas... A única coisa que me resta é desejar ardentemente que a melhora venha rápida, que os anjos, sim, anjos porque eles existem, tragam o conforto espiritual tão desejado... Que protejam e iluminem nossa caminhada! SONINHA BB




terça-feira, 15 de maio de 2012

Esperança!

Tudo que  preciso é ter esperança... Não se vive sem esperança, a cada dia espero pela esperança dos meus sonhos! Viver é ter esperança, eu vivo, portanto tenho esperanças... Vejo um mar verde à minha frente!!! Verde de esperança!


sábado, 12 de maio de 2012

Deixe estar……pra ver como é que fica

Eu queria ser uma borboleta livre, leve, solta, e independente. As borboletas passam pelo processo mais belo e verdadeiro da natureza: a metamorfose. De lagarta feia e desajeitada, ela vira um inseto lindo e delicado. Eu queria ser uma borboleta pra mostrar pra todo mundo que toda mudança pode gerar bons resultados. Eu queria ter essa certeza. Mas será que a lagarta sabe que sua vida infeliz vai se metamorfosear numa linda existência? Acho que a lagarta não sabe que vai virar borboleta. Assim como o patinho feio, que não sabia que era um cisne até se transformar em um e causar inveja entre seus ‘irmãos’ patos… Mudanças me trazem medo, e se eu fosse uma lagarta, certamente teria medo de me fechar num casulo sem saber ao certo o que iria acontecer. Imaginem, quando você está finalmente acertando sua vida como lagarta, conformada com uma existência medíocre, de repente vc tem que se enfiar num casulo apertado e ficar lá até que a natureza por si só te tire dessa existência sofrível e te transforme no ser mais belo de sua fauna. Eu queria ser uma borboleta, mas odiaria passar pelo processo do casulo…Mas a natureza não permite isso. Como toda boa borboleta, deve-se passar pelo processo completo. E no fundo isso faz sentido, senão todas já nasceriam borboletas e perderiam a beleza da transformação. A beleza da surpresa, da novidade. Nenhuma existência pode ser completa se não houver nela processos sérios e completos de transformação. As lagartas-borboletas que o digam! Tem horas na vida em que tudo parece de cabeça pra baixo, as coisas começam a sair de um jeito inesperado, indesejado. Todas as certezas passam a ser incertas, confusas, sem razão de ser. Assusta. Tem horas que a solidão do casulo se torna intransponível. Seria a solidão necessária para a metamorfose? Será que se os casulos fosses colmeias como as das abelhas, onde todas nascem juntas, no mesmo ambiente, quase ao mesmo tempo, prejudicaria a beleza da transformação? Será que o resultado seria outro ao invés da bela borboleta? Eu estava feliz com minha existência de lagarta. Mesmo. Mas agora, que meu casulo está de cabeça pra baixo, eu não sei o que esperar. Talvez a maior das transformações, a metamorfose que vai me transformar numa borboleta e tornar minha existência ainda mais feliz. Mas e se eu for apenas mais uma lagarta?? Afinal, não são todas que se tornam borboletas… ...e eu ainda estou espiando pelo buraquinho do casulo...
Desconheço autoria


Não existe fonte de inspiração mais linda...


quinta-feira, 26 de abril de 2012

SÁBIO É AQUELE...

Sábio é aquele que permite descobrir; que reconhece a importância de aprender o novo, que abre seu coração para sentir e ouvir... Sábio é aquele que permanece em silêncio, observando os passos da mente, as fragrâncias, os lugares escondidos dentro do seu ser... Sábio é aquele que ouve antes de falar, que sorri antes de chorar, que permanece quieto para sentir o frescor da noite em seu interior. Sábio é aquele que diz sim para a vida, que desperta o amor em si e em seu semelhante, na intenção de criar um mundo melhor a todos nós. Sábio é aquele que ama seu irmão que vê, Como ama a Deus que não vê. Sábio é aquele que vive e sabe viver! ( Autor Desconhecido)


A Arte de Não Adoecer-Drauzio Varella

Se não quiser adoecer - "Aceite-se" A rejeição de si próprio, a ausência de auto-estima, faz com que sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, bom senso e terapia. Se não quiser adoecer - "Confie" Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras. Sem confiança, não há relacionamento. A desconfiança é falta de fé. Se não quiser adoecer - "Não viva sempre triste" O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa. A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive. "O bom humor nos salva das mãos do doutor". Alegria é saúde e terapia.



Há um lugar...

Há um lugar certo no Universo, aonde posso me expressar e me realizar. Esse lugar é qualquer lugar, onde eu esteja disposto a ser, a dar e receber. Há um tempo certo para poder brilhar, iluminar e crescer. Esse tempo é qualquer tempo, Em que eu esteja presente e reconhecido do que sou, do que posso, do que tenho a fazer, por mim e pelos os outros. Não busco longe, o que antes não conquistei aqui. Exploro a plenitude do momento e do espaço que conquisto agora e me preparo para alçar voos  nos patamares de luz de minha consciência. Um caminho lindo me acompanha. Um lugar maravilhoso me aguarda, A CADA DESPERTAR. Maria S



Dez Mandamentos


DEZ MANDAMENTOS DOMINE sua fala. Diga sempre menos do que pensa. Cultive uma voz baixa e suave. PENSE ... antes de fazer uma promessa e depois não a quebre, não importa o quanto lhe custe cumpri-la. NUNCA ... deixe passar uma oportunidade para dizer uma coisa meiga e animadora a uma pessoa ou a respeito dela TENHA ... interesse nos outros - em suas ocupações, em seu bem-estar, seus lares e família. Seja sempre alegre com os que riem e lamente com os que choram. Aja de tal maneira que as pessoas com quem se encontrar sintam que você lhes dispensa atenção e lhes dá importância SEJA alegre. Conserve-se sorrindo. Ria das histórias boas e aprenda a contá-las CONSERVE... a mente aberta para todas as questões de discussão. Investigue, mas não argumente. É próprio das grandes mentalidades discordar e ainda conservar a amizade do seu oponente. DEIXE ... que suas virtudes falem por si mesmas e recuse a falar das faltas e fraquezas dos outros. Condene murmúrios. Faça uma regra de falar só coisas boas dos outros. TENHA... cuidado com os sentimentos dos outros. Gracejos e críticas não valem a pena e freqüentemente magoam quando menos se espera NÃO ... faça questão das observações más a seu respeito. Viva de modo que ninguém as acredite. NÃO... seja excessivamente zeloso dos seus direitos. Trabalhe, tenha paciência, conserve-se calmo, esqueça-se de si mesmo e receberá a recompensa Que Deus abençoe sua vida!! E que você possa usar esses dez mandamentos no seu dia a dia!!


domingo, 22 de abril de 2012

Seria bem diferente...

Seria bem diferente se as pessoas antes de amar alguém se amassem primeiro. Que tipo de amor posso oferecer?Se nem ao menos presto atenção as minhas necessidades.Para se obter a felicidade, não precisa estar com alguém, basta está feliz em ser você, em se curtir, aprender a ver a beleza nas coisas simples; isso é a mais pura 'felicidade'! Todos os dias da nossa vida temos uma página em branco, para colorir de diversas cores, por que ficar sempre em branco, ou em preto?Temos um mundo aos nossos pés, precisamos traçar nossos próprios caminhos, sem ter que seguir rastros de outras pessoas.Estamos livres, somos livres!Quando amamos não precisamos acorrentar o nosso amor...se ele estar é porque quer,não porque você quer!A vida é muito preciosa, para ser desperdiçada à toa!Quero sentir o pulsar do meu coração batendo num rítmo de paz! Viver plenamente todo o momento, sem me sentir triste por estar sozinha.Nasci sozinha,fico triste sozinha,fico alegre sozinha,vou morrer sozinha!

Tarde demais...

Tarde demais é uma expressão cruel. Tarde demais é uma hora morta. Tarde demais é longe à beça. Não é lá que devemos deixar florescer nossas descobertas.

sábado, 21 de abril de 2012

Fazer de conta...

Hoje faço de conta, que estou sempre bem... ...bonita sempre, por fora e por dentro... Simpática, alegre, vigorosa! Amiga sem limites... Sempre luz! Radiante! Um ser humano simplesmente à imagem e semelhança de DEUS! Um ser humano PERFEITO! Estou só fazendo de conta!!!

SEM PERCEBER...

Sem perceber fui caminhando, sem prestar atenção em nada...fui andando todos esses anos, sem saber o quê fazer, nem como fazer, simples...caminhei! E estou parada!!!Parada completamente parada!!! Inércia, inerte no tempo;que triste! Vejo as pessoas caminhando, planejando, fazendo...onde eu estou nesse universo?Meu mundo é tão particular, fechado...nem mesmo sei onde guardei a chave!Estou tão escondida de tudo, parece que nem existo. Dias, sem caminhos... Por quê vim parar aqui,sinto em muitos momentos que esse lugar não me pertence. Como se eu fosse uma estranha num ninho, me acho tão diferente de todos num contexto...é muito esquesito! Eu gostaria de voltar pra casa...aqui definitivamente não é o meu lugar. Meus Deus, por quê vim parar aqui?Por quê, eu não sou daqui!!! Ainda não me encontrei nesse mundo, e não sei se vou achar algum lugar aqui pra mim!Fico triste assim...estrangeira, descriminada, infeliz! Sou uma sem teto nesse mundo, é isso! Não sou ingrata, só estou infeliz e só!!!

Uma Luz!

Vejo uma luz no fim do túnel! Tem relatos que quando as pessoas estão fazendo à passagem para a eternidade...elas vêem uma luz!!! Mas, acho que aqui e agora podemos ver também uma luz! Porque, muitas vezes estamos em completa escuridão, e quando pensamos estar em plena penumbra, vemos uma luz, mesmo que seja uma pequena luz...um ponto! Esse ponto é suficiente para clarear nosso dia, nossa vida! Essa luz, é o ESPÌRITO SANTO,mostrando que existe uma saída para tudo na nossa vida. Estou ciente dessa verdade, graças à Deus. Não posso viver sem luz! Não posso viver sem Deus em minha vida! Deus é o caminho, a verdade e a vida!!! Sem ele, simplesmente não existo!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Sou apenas...

Não sou santa, nem a outra... Sou uma mulher que vive! Absorvo tudo, tudo mesmo...me sinto como um ímã que atraí, tanto as coisas boas, quanto as ruins Passo despercebida, mas também acho que incomodo muito. Uns me querem por perto, outros preferem ao diabo a mim. Incompreendida; natural, sou um ser humano. Sensível,chorona,chata,dengosa,nervosa,cabulosa,implicante,estranha,etc...Esses são alguns adjetivos que me aplicaram ao decorrer dos anos. Sim,mas tem o outro lado da moeda, ainda bem, rsrsrs...são eles: Linda,sensual,glamurosa,brincalhona,divertida,flor,preciosa,princesa, amiga,bondosa,simpática,querida,calma,anjo,verdadeira...e por aí vai... Saudades,sinto muitas! Saudade do colinho dos meus pais,do denguinho,das brincadeiras na rua junto aos meus amigos,de andar de bicicleta(longos passeios),da infância, adolescência...Ah quanta saudade! Saudade boa!!! Como é bom reviver esses momentos na memória! Festinhas na casa dos amigos, conversas sobre paqueras,namoro no portão,passeios com colegas de turma...tudo era festa! Tempo muito feliz!!! Era,solta,livre,leve,suave,intensa,radiante,maravilhosa..simplesmente luz!!! Tudo passou tão rápido,casei cedo. Arrependimentos? Alguns,mas não adianta,o tempo não volta mais! Sou flexível,sempre volto atrás em quase tudo na minha vida,porque eu mudo com frequência. Gosto muito de rir,choro com facilidade, amo dançar! Sou um quebra-cabeças meio complicado de montar, vou morrer sem acabar! É assim, sempre fica faltando algo! "Verdade",nem sempre podemos ser verdadeiros e quem disser o contrário estará sendo falso consigo mesmo. A 'verdade' em muitos momentos pode machucar, ferir...não que tenhamos que ser falsos,longe disso! A vida em muitos momentos nos põe em situações difíceis,e é inevitável sermos sempre corretos em tudo. Perfeição: s.f. Qualidade do que é perfeito em seu gênero. / &151; S.f.pl. Qualidades da alma e do corpo. // Teologia Perfeições divinas, atributos de Deus em grau infinito. // Esse é o significado de perfeição, estou sempre tentando,mas sinto que estou muito longe da perfeição! Espero um dia chegar mais perto, por enquanto estou buscando, tentando...que Deus me ajude também nessa busca! Sou dias de todas as cores;prefiro quando meu dia está azul!Essa cor me traz paz,serenidade...fico bem! Sou todas as estações do ano;prefiro o verão!O calor me deixa mais cheia de energia, fico luminosa! 'Aprender'... sempre! 'Erros'...existem! Nem sempre posso evitá-los... Sou espontânea,da mesma forma que faço alguém feliz;posso fazer alguém ficar triste. Passar em branco, jamais! Equilíbrio fundamental, como eu queria,mas me sinto girando... pára a terra que eu quero descer,rsrsrs... Quem me ama,, amará para sempre, pois me conhece de verdade e assim mesmo consegue me amar e é feliz por isso... Quem me odeia,acho que pode vir a gostar de mim, se me conhecer melhor... "Julgamento":Só Deus pode julgar! Amizade, essêncial! Amor, ninguém vive sem! Agradecer, sempre...todos os dias da minha vida! Procurar, entender,olhar com os olhos do coração! Eu sou, Maria do Rosário. Rosário, para os familiares e amigos de infância. Maria'agora', porque eu escolhi ser chamada assim, por Maria! Meu pai sempre me chamou de Maria de Nega,neguinha rsrsrrs... Maria é o nome da nossa mãe do céu! Maria:Nome Hebraico - Significado: Senhora, soberana Maria, amo ser Maria! Amo minha vida...amo viver...amo respirar!

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Noite a sós com Deus

Noite a sós com Deus


Obrigada, Senhor, por mais um dia vivido!
pelas alegrias que me levantaram e pelas dores
que me fortaleceram.

pelos sucessos que me fizeram sentir-me grande
e pelos fracassos que me deram a oportunidade de perseverar.

Obrigada...
pelos cuidados que me confortaram e pelas mágoas que
me exercitaram para perdoar.

pelas horas de bem estar que me mantiveram ativo
e por outras que me revelaram o valor da saúde.

pelos momentos altos que me exibiram Tuas bênçãos
e pelos momentos baixos que me abriram para Tua proteção.

Obrigada, Senhor, por jamais teres me esquecido.
Obrigada, Senhor,por mais um dia vivido!
.

Nem tudo é fácil!

Nem tudo é fácil

É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada
É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre.
É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia.
É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.
É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo.
É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar.
É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
Se você errou, peça desculpas...
É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado?
Se alguém errou com você, perdoa-o...
É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?
Se você sente algo, diga...
É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar
alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça...
É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o...
É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz?
Nem tudo é fácil na vida...Mas, com certeza, nada é impossível
Precisamos acreditar, ter fé e lutar
para que não apenas sonhemos, Mas também tornemos todos esses desejos,
realidade!!!

Cecília Meireles

Um amor puro ...

Um Amor Puro
O que há dentro do meu coração
Eu tenho guardado pra te dar
E todas as horas
Que o tempo tem pra me conceder
São tuas até morrer
E a tua estória, eu não sei
Mas me diga só o que for bom
Um amor tão puro
Que ainda nem sabe a força que tem
É teu e de mais ninguém
Te adoro em tudo, tudo, tudo
Quero mais que tudo, tudo, tudo
Te amar sem limites
Viver uma grande estória
Aqui ou noutro lugar
Que pode ser feio ou bonito
Se nós estivermos juntos
Haverá um céu azul
Um amor puro
Não sabe a força que tem
Meu amor eu juro
Ser teu e de mais ninguém
Um amor puro ...

Canção do dia de sempre

Canção do dia de sempre

Tão bom viver dia a dia...
A vida assim, jamais cansa...

Viver tão só de momentos
Como estas nuvens no céu...

E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência... esperança...

E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.

Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.

Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas...

Mário Quintana

Frase- Dom Helder Câmara

“Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo. Dom Helder Câmara ”

Sou chata!

Sou chata sim, muitas vezes insuportável; deixo meu ego falar mais alto e quero as coisas do meu jeito. Falo o que penso, brigo quando acho que devo brigar, e poucas vezes fico em silêncio. Entro em contradição, digo coisas e me arrependo, penso no que não devia pensar, tenho medo de um milhão de coisas. Demonstro ser o que não sou, e sinto que me perco entre mim e o outro. Sou insegura, impaciente, enjôo fácil das coisas, não termino o que começo e desisto quando me enche o saco. Mas não só de defeitos é composto o ser humano. Sou guerreira, determinada, humana demais... penso nas pessoas, ajudo de qualquer jeito. Não tenho frescura, sento no chão, como com a mão, falo com qualquer pessoa. Cuido de quem precisar, vou no inferno por quem eu amo, e sou feliz. Corro atrás do que eu sonho, tenho minhas crenças que ninguém tira, e enfrento tudo com a minha coragem.
O que me falta na vida?

Gabriela Manhães


Hoje estou triste

Hoje estou triste

A tristeza é um sentimento que marca pelo vazio e...
Por que será que tem dias que estamos tão sensíveis
Outros nos fazem tão fortes que nada nos atinge...
Oh! Mas hoje eu estou triste,...
E sabe, parece que ninguém percebeu minha tristeza...
Como eu queria que alguém tivesse percebido, sentido...
Talvez se dividisse essa tristeza seria menos dolorido...
Será que é assim mesmo, será que eu queria isso mesmo...
Ah! Como é ruim sentir um vazio por dentro e ter que...
Ter que disfarçar, ter que sorrir, mesmo sem vontade de...
Mas eu sorri. Mesmo com vontade de chorar, pra que ser forte assim
Vai valer a pena, que vou ganhar com isso, pois se estou sofrendo...
Só de uma coisa eu tenho certeza, a vontade de escrever, de dividir...
Botar pra fora, extravasar para não explodir e o escrever me faz feliz...
Como é bom colocar nossos sentimentos através das letras e na forma do poema.
Hoje, vou dormir melhor, pois já não estou mais tão triste, a tristeza ficou no papel.


O céu pode esperar..

O céu pode esperar..



Há muito medo para uma vida tão curta...



Medo do primeiro baile, da primeira dança, de voar, de viajar de trem, do primeiro namoro, do primeiro beijo, do primeiro filho, do primeiro dia na escola, do último dia na terra!



Nosso medo não é da morte, temos medo é da vida. Um enorme medo de morte da vida!

quarta-feira, 14 de março de 2012

sexta-feira, 2 de março de 2012

Frase- Clarice Lispector

E a doçura é tanta que faz insuportável cócega na alma. Viver é mágico e inteiramente inexplicável.

Clarice Lispector

quinta-feira, 1 de março de 2012

Frase- Carlos Drummond de Andrade

Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.

Carlos Drummond

Carlos Drummond

As coisas que amamos
as pessoas que amamos
são eternas até certo ponto.
Duram o infinito variável
no limite de nosso poder
de respirar a eternidade
Pensá-las é pensar que não acabam nunca,
dar-lhes moldura de granito.
De outra maneira se tornam absoluta
numa outra (maior) realidade.
Começam a esmaecer quando nos cansamos,
e todos nos cansamos, por um outro itinerário,
de aspirar a resina do eterno.*
Já não pretendemos que sejam imperecíveis.
Restituímos cada ser e coisa à condição precária
rebaixamos o amor ao estado de utilidade.
Do sonho eterno fica esse gozo acre
na boca ou na mente, sei lá, talvez no ar"


Carlos Drummond de Andrade

Clarice Lispector- frase

Amar os outros é a única salvação individual que conheço: ninguém estará perdido se der amor e às vezes receber amor em troca.

Clarice Lispector

Carlos Drummond de Andrade

CONSOLO NA PRAIA

Vamos, não chores...
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.
O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.
Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis casa, navio, terra.
Mas tens um cão.
Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o 'humour'?
A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

Marta Medeiros

A DOR QUE DÓI MAIS

Trancar o dedo numa porta dói. Bater com o queixo no chão dói. Torcer o tornozelo dói. Um tapa, um soco, um pontapé, dóem. Dói bater a cabeça na quina da mesa, dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim. Mas o que mais dói é saudade.
Saudade de um irmão que mora longe. Saudade de uma cachoeira da infância. Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais. Saudade do pai que já morreu. Saudade de um amigo imaginário que nunca existiu. Saudade de uma cidade. Saudade da gente mesmo, quando se tinha mais audácia e menos cabelos brancos. Dóem essas saudades todas.
Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se ama. Saudade da pele, do cheiro, dos beijos. Saudade da presença, e até da ausência consentida. Você podia ficar na sala e ele no quarto, sem se verem, mas sabiam-se lá. Você podia ir para o aeroporto e ele para o dentista, mas sabiam-se onde. Você podia ficar o dia sem vê-lo, ele o dia sem vê-la, mas sabiam-se amanhã. Mas quando o amor de um acaba, ao outro sobra uma saudade que ninguém sabe como deter.

Saudade é não saber. Não saber mais se ele continua se gripando no inverno. Não saber mais se ela continua clareando o cabelo. Não saber se ele ainda usa a camisa que você deu. Não saber se ela foi na consulta com o dermatologista como prometeu. Não saber se ele tem comido frango de padaria, se ela tem assistido as aulas de inglês, se ele aprendeu a entrar na Internet, se ela aprendeu a estacionar entre dois carros, se ele continua fumando Carlton, se ela continua preferindo Pepsi, se ele continua sorrindo, se ela continua dançando, se ele continua pescando, se ela continua lhe amando.

Saudade é não saber. Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.

Saudade é não querer saber. Não querer saber se ele está com outra, se ela está feliz, se ele está mais magro, se ela está mais bela. Saudade é nunca mais querer saber de quem se ama, e ainda assim, doer.

Martha Medeiros

Marta Medeiros-Poesia

PEDAÇOS DE MIM

Eu sou feito de
Sonhos interrompidos
detalhes despercebidos
amores mal resolvidos

Sou feito de
Choros sem ter razão
pessoas no coração
atos por impulsão

Sinto falta de
Lugares que não conheci
experiências que não vivi
momentos que já esqueci

Eu sou
Amor e carinho constante
distraída até o bastante
não paro por instante


Tive noites mal dormidas
perdi pessoas muito queridas
cumpri coisas não-prometidas

Muitas vezes eu
Desisti sem mesmo tentar
pensei em fugir,para não enfrentar
sorri para não chorar

Eu sinto pelas
Coisas que não mudei
amizades que não cultivei
aqueles que eu julguei
coisas que eu falei

Tenho saudade
De pessoas que fui conhecendo
lembranças que fui esquecendo
amigos que acabei perdendo
Mas continuo vivendo e aprendendo.

Martha Medeiros

Nossa Senhora rogai por nós!

O Que É, O Que É? Gonzaguinha

O Que É, O Que É?
Gonzaguinha
Eu fico
Com a pureza
Da resposta das crianças
É a vida, é bonita
E é bonita...

Viver!
E não ter a vergonha
De ser feliz
Cantar e cantar e cantar
A beleza de ser
Um eterno aprendiz...

Ah meu Deus!
Eu sei, eu sei
Que a vida devia ser
Bem melhor e será
Mas isso não impede
Que eu repita
É bonita, é bonita
E é bonita...

E a vida!
E a vida o que é?
Diga lá, meu irmão
Ela é a batida
De um coração
Ela é uma doce ilusão
Hê! Hô!...

E a vida
Ela é maravilha
Ou é sofrimento?
Ela é alegria
Ou lamento?
O que é? O que é?
Meu irmão...

Há quem fale
Que a vida da gente
É um nada no mundo
É uma gota, é um tempo
Que nem dá um segundo...

Há quem fale
Que é um divino
Mistério profundo
É o sopro do criador
Numa atitude repleta de amor...

Você diz que é luta e prazer
Ele diz que a vida é viver
Ela diz que melhor é morrer
Pois amada não é
E o verbo é sofrer...

Eu só sei que confio na moça
E na moça eu ponho a força da fé
Somos nós que fazemos a vida
Como der, ou puder, ou quiser...

Sempre desejada
Por mais que esteja errada
Ninguém quer a morte
Só saúde e sorte...

E a pergunta roda
E a cabeça agita
Eu fico com a pureza
Da resposta das crianças
É a vida, é bonita
E é bonita...

Carregando...
visualizar mais comentários

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Hoje...

Hoje quero sorrir como criança.
Sentir o coração leve,me esvaziar...
À vida muitas vezes é tão difícil de viver, queria olhar pra minha 'vida' e visualizar uma linda paisagem,por quê não?É tão bom saber que posso mudá-la com uma simples atitude!
Será que é simples, ter uma simples atitude? Não, acho que não... senão seria tudo diferente pra mim!
Se eu fosse uma pessoa objetiva...tudo pra mim seria diferente!Eu realmente sou uma pessoa complexa.
Esse é um fato!
Mas, às pessoas são complexas....se podemos complicar pra quê simplificar? Mas, de doído todos temos um pouco?
Tá bom por hoje...Amanhã eu penso!

Domingo

Inicia mais uma semana, e por isso resolvi escrever...
Escrever pra mim, porque estou precisando me entender melhor!
Será que um dia vou me enteder melhor?
Não tenho resposta pra essa pergunta...
Passam os dias e ainda me sinto tão fora do contexto da minha vida.
Sei que um dia tem que dá um clik!!
Por que senão vou achar que ainda não me encontrei...
E assim vai ser difícil saber o que vim fazer aqui.
Por quê não me perguntaram se eu queria nascer?Se existe livre arbítrio, eu teria que ser consultada?!Eu não sei ainda se queria fazer parte desta vida, me sinto uma peça de quebra cabeças que não encontrou o seu lugar na figura.
Pois é...é assim que me sinto, não sei até quando.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Carlos Drummond-Para Sempre...

Para Sempre
Carlos Drummond de Andrade
Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.

Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
- mistério profundo -
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

AMANHÃ PODE SER TARDE...

Amanhã pode ser tarde...



"Ontem?... Isso faz tempo!...
Amanhã?... Não nos cabe saber...

Amanhã pode ser muito tarde
Para você dizer que ama,
Para você dizer que perdoa,
Para você dizer que desculpa,
Para você dizer que quer tentar de novo...

Amanhã pode ser muito tarde
Para você pedir perdão,
Para você dizer:
Desculpe-me, o erro foi meu!...

O seu amor, amanhã, pode já ser inútil;
O seu perdão, amanhã, pode já não ser preciso;
A sua volta, amanhã, pode já não ser esperada;
A sua carta, amanhã, pode já não ser lida;
O seu carinho, amanhã, pode já não ser mais necessário;
O seu abraço, amanhã, pode já não encontrar outros braços...
Porque amanhã pode ser muito... Muito tarde!

Não deixe para amanhã dizer:
Eu amo você!
Estou com saudades de você!
Perdoe-me!
Desculpe-me!
Esta flor é para você!
Você está tão bem!...

Não deixe para amanhã
O seu sorriso,
O seu abraço,
O seu carinho,
O seu trabalho,
O seu sonho,
A sua ajuda...

Não deixe para amanhã para perguntar:
Por que você está triste?
O que há com você?
Hei!... Venha cá, vamos conversar...
Cadê o seu sorriso?
Ainda tenho chance?...
Já percebeu que eu existo?
Por que não começamos de novo?
Estou com você. Sabe que pode contar comigo?
Cadê os seus sonhos? Onde está a sua garra?...

Lembre-se:
Amanhã pode ser tarde... Muito tarde!
Procure. Vá atrás! Insista! Tente mais uma vez!
Só hoje é definitivo!
Amanhã pode ser tarde...

HOJE, e não AMANHÃ..."

(Rafaela VSL)

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Poema de Machado de Assis


Os Dois Horizontes

Dois horizontes fecham nossa vida:

Um horizonte, — a saudade
Do que não há de voltar;
Outro horizonte, — a esperança
Dos tempos que hão de chegar;
No presente, — sempre escuro,—
Vive a alma ambiciosa
Na ilusão voluptuosa
Do passado e do futuro.

Os doces brincos da infância
Sob as asas maternais,
O vôo das andorinhas,
A onda viva e os rosais;
O gozo do amor, sonhado
Num olhar profundo e ardente,
Tal é na hora presente
O horizonte do passado.

Ou ambição de grandeza
Que no espírito calou,
Desejo de amor sincero
Que o coração não gozou;
Ou um viver calmo e puro
À alma convalescente,
Tal é na hora presente
O horizonte do futuro.

No breve correr dos dias
Sob o azul do céu, — tais são
Limites no mar da vida:
Saudade ou aspiração;
Ao nosso espírito ardente,
Na avidez do bem sonhado,
Nunca o presente é passado,
Nunca o futuro é presente.

Que cismas, homem? – Perdido
No mar das recordações,
Escuto um eco sentido
Das passadas ilusões.
Que buscas, homem? – Procuro,
Através da imensidade,
Ler a doce realidade
Das ilusões do futuro.

Dois horizontes fecham nossa vida.

Machado de Assis, in 'Crisálidas'


Carlos Pena Filho

A Solidão e sua Porta (Carlos Pena Filho)
Publicado por Regina Volpato em 29 nov 2010 | Sob: Corrente do Bem




De

Carlos Pena Filho:

A Solidão e sua Porta


Quando mais nada resistir que valha
a pena de viver e a dor de amar
E quando nada mais interessar,
(nem o torpor do sono que se espalha).
Quando, pelo desuso da navalha
a barba livremente caminhar
e até Deus em silêncio se afastar
deixando-te sozinho na batalha
a arquitetar na sombra a despedida
do mundo que te foi contraditório,
lembra-te que afinal te resta a vida
com tudo que é insolvente e provisório
e de que ainda tens uma saída:
entrar no acaso e amar o transitório.

domingo, 29 de janeiro de 2012

Quero voltar no tempo!

Quando criança nem imaginava que vivia num paraíso.

Corria tanto parecia está flutuando entre as nuvens.
Como posso voar sem asas?
Mas era assim que eu me sentia.
Os dias eram compridos,e o 'Ano' era de se perder de vista.
Era tão divertida à minha vida.
Muitas brincadeiras na rua junto aos meus amigos e só isso era o meu mundo..
Tudo cheirava a liberdade, alegrias e muitas fantasias.
Era uma vida num jardim colorido.
E assim de uma maneira leve e prazerosa fui crescendo e vivendo num mundo de poesias.


Passando em branco


Muitas coisas passam sem deixar recibo...

Como posso aceitar?

Como posso aceitar...
Nem sempre entendo o que se passa,por quê?
Ah sei lá, parece mais conversa de doido.
Vem vida por inteiro, sem deixar brechas.
Como me sentir feliz?
Ah sei lá!
Você pergunta demais...

sábado, 28 de janeiro de 2012

Quando A Poesia se faz Prece

Era amor
Eu nem sabia,
Um sonho
De encontro,
Tal qual a noite
E o dia.
Era o amor
Que me ria...
E se fez ilusão
Depois,
Se fez prece
A rogar aos céus
A volta do Anjo
Que me roubou o final
Do que era
Pra ser
Poesia.

Sirlei L. Passolongo-

Mário Quintana

A arte de viver é simplesmente a arte de conviver ... simplesmente, disse eu? Mas como é difícil!

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Uma roda gigante

A vida é como uma roda gigante, está sempre girando. Às vezes podemos vir a ficar até tontos! Há dias em que acordamos e nos vemos no alto, mas como sabemos ela gira e rapidamente muda de lugar. Nesse frenesi sem cessar vamos apreciando várias paisagens... Vejo muitas cores como num arco íris, a vida se mostra deslumbrante numa sinfonia maravilhosa!!! Desejada por muitos e guardada para depois por outros, mas sempre girando.


Os ombros suportam o mundo

20090130

Os ombros suportam o mundo

Os ombros suportam o mundo

Tempo de absoluta depuração.
Tempo em que não se diz mais: meu amor.
Porque o amor resultou inútil.
E os olhos não choram.
E as mãos tecem apenas o rude trabalho.
E o coração está seco.

Em vão mulheres batem à porta, não abrirás.
Ficaste sozinho, a luz apagou-se,
mas na sombra teus olhos resplandecem enormes.
És todo certeza, já não sabes sofrer.
E nada esperas de teus amigos.

Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teus ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança.
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossegue
e nem todos se libertaram ainda.
Alguns, achando bárbaro o espetáculo
prefeririam (os delicados) morrer.
Chegou um tempo em que não adianta morrer.
Chegou um tempo que a vida é uma ordem.
A vida apenas, sem mistificação.

Como seria diferente...

Como seria diferente se eu fosse outra pessoa.
Se eu encarasse os problemas.
Se eu não sentisse tanto medo de sentir medo.

Como seria diferente...
Seria diferente ser diferente.

Se eu fosse...
Quem?

Ah! Se a vida  fosse diferente para mim!




O dia a dia e suas diferenças...

É bom saber que todos os dias temos coisas diferentes pela frente, se assim não fosse seríamos robôs programados!!! Sempre que acordo penso como será o dia.... Tenho a nítida sensação que estou perdida no tempo, fico às vezes sem saber o porquê disso. Sou uma pessoa que não se encontrou, acho que isso é normal e por que não seria? Todo sentimento é normal. Só que queria me sentir mais situada.... Como posso passar por essa vida sem apreciar o gostinho de ser independente? De ter a certeza de que eu me basto? O ser humano nasceu pra viver em sociedade, sim... E daí? Todo ser precisa ter seu próprio endereço, sua individualidade preservada, seu mundo particular! Meu mundo tem várias pessoas, várias situações, vários nomes, lugares ,cores... Mas, cadê 'Eu'? É assim que me sinto, isso realmente é muito triste e chega a ser desesperador! Será que vai ser sempre assim? A pergunta que não quer calar! Só há mudanças quando mudamos. Porém faz tanto tempo que estou nesse endereço e ele nem mesmo me pertence. Tenho medo de sair dessa linha de 'conforto', se é que existe algum conforto... O medo me encomoda muito, ele está toda hora me cutucando. É certo dizer que o 'medo' é um fator de alerta, mas tudo tem um limite... Se deixarmos que ele tome conta de nossas vidas ficaremos paralisados. Criamos paredes invísiveis, mas sabemos que se enfretarmos passaremos por elas. No entanto tem um pequeno 'detalhe': Eu não acredito que possa ultrapassá-las!E agora? O que faço? Mais perguntas que diariamente me assombram, é como um teste diário... E eu sempre sou reprovada. Repetindo, repetindo, repentindo... Sou até então uma 'aluna reprovada' nos testes da vida. Esperança, gosto desta palavra. Espero por ela, dia a dia!