sexta-feira, 28 de novembro de 2014

A noite chegou...


Que este dia seja pra você:

Que este dia seja pra você: 
Claro como a luz do sol, brilhante como as estrelas.
Livre como os pássaros, especial como o amor.
Sereno, tranquilo, alegre e sincero como um sorriso espontâneo.
Perfeito como a natureza, protegido pela luz divina.
Orientado pelos os anjos, e abençoado por Deus!


quinta-feira, 20 de novembro de 2014

NADA COMO O TEMPO

NADA COMO O TEMPO

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.

Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o "alguém" da sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.

O segredo é não correr atrás das borboletas... é cuidar do jardim para que elas venham até você.

No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Desconhecido


Schubert - Ave Maria (Opera)


Marcely Pieroni Gastaldi





Às vezes a gente só precisa confiar. 
Deixar a afobação de lado e parar de adivinhar 
o que vem depois. 
Pressa demais não escreve história. 
Antecipa o que ainda nem começou e às vezes 
finaliza o que poderia valer a pena. 


 Marcely Pieroni Gastaldi 






terça-feira, 18 de novembro de 2014

O amor...


“O amor não começa na palavra, o amor começa no olhar.
 Palavras são passageiras, olhares duram a vida inteira.”


Amor distante...


“É difícil demais ter que ficar longe de 
quem você mais  queria estar perto.”


Caio Fernando Abreu

“Que não falte bons sentimentos. Que nos falte egoísmo.
 Que nos sobre paciência. Que não nos falte esperança.
 Que cada caminho escolhido nos reserve boas surpresas.
 Que cada um de nós saiba ouvir cada conselho dado por
 uma pessoa mais velha. Que não nos falte vontade de sorrir.
Que nenhum de nós se esqueça da força que possui.
Que não falte fé e amor.”

Caio Fernando Abreu




A vida é minha. Mas o coração, é seu.




"Nunca decepcione alguém que faria tudo por você."

Desconheço autoria

Mariza Alencastro

Narciso se apaixonou pela rosa
que amava o lírio
que amava a hera
que namorava o amor-perfeito
mas morria de amores
pela primavera....


-
Mariza Alencastro -


Carlos Drummond de Andrade

As sem-razões do amor

Eu te amo porque te amo,
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabes sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.

Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.

Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.

Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.
Carlos Drummond de Andrade

Bibiana Benites

Basta teu riso
encontrar o meu
e pronto...
Meu mundo
já fica furta-cor.

Bibiana Benites


Bibiana Benites

É que hoje eu procurei ver sorriso em tudo. 
Eu procurei ver nas palavras, 
Poemas subentendidos. 
Em cada letra. 
Canções e alguma certeza que pudesse me traduzir em verso.
Pessoas e suas levezas. Seus laços no meu.
E eu encontrei.
E me encontrei também.


- Bibiana Benites -



Gosto de gente que gosta de gente!

Eu gosto de gente que gosta de gente...
Amo cheiro de terra molhadaandar descalça 
 e sentir o vento tocando o meu rosto e assanhando meus
cabelos. Cheiro de maresia, ondas quebrando na praia.
Relaxar sentindo o pulsar do meu coração.
Assim eu sinto o meu universo calmo e
 minha alma agradece.

_________________________Maria Maria





Karla Thayse Mendes

Eu viro a tristeza de cabeça pra baixo, desfaço a trança, 
tiro os sapatos e saio por aí montada na felicidade. Por-
que o hoje só tem 24 horas para ser, então “que seja 
doce”... Que seja lindo.


 - Karla Thayse Mendes -


segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Autoestima

Não consulte seus medos, mas suas esperanças e sonhos.
 Não pense sobre suas frustrações, mas sobre seu potencial não desenvolvido.
 Não se preocupe com os fracassos, acredite naquilo que você ainda realizará.


sábado, 15 de novembro de 2014

Duas Vidas




A vida nunca é fácil para aqueles...


"Volta" - VOLTA - Ana Cañas


"PRA VOCÊ GUARDEI O AMOR" - Ana Cañas e Nando Reis


A noite com seu Véu Iluminado

A noite com seu véu iluminado me convida
a sonhar e esquecer o que não deu certo hoje, 
existe sempre um recomeço, um novo dia pra
viver e ser feliz! A vida é sempre maravilhosa,
mesmo que aja uma nuvem escura sobre mim.

Maria Maria


Quando Deus entra em nossa Vida- Pe Fábio de Melo


Cartão de boa noite


Martha Medeiros


Fernando Pessoa


Mesmo que o mundo feche as portas...


sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Maria Maria

Corre, corre às horas e com elas suas estórias.
Somos protagonistas de um mundo de
ilusões e desilusões que encantam e machucam,
quando vemos que tudo que imaginávamos era
apenas ilusão e mais nada.

_____________________Maria Maria


Hoje sou só poesia...

Nuvens de algodão...

Dias cobertos de nuvens; vento sacode a poeira do dia e
vem assanhar meus cabelos, quero sentir a vibração de
cada instante me convidando a passear por mim.
Vida vem mexer comigo,cutuca pra ver se eu acordo feliz!
Ando de pés no chão atrás de me encontrar, e vejo que ainda
estou bem longe, mas não canso sei que estou logo ali...
posso me ver feliz sorrindo pra mim!

Maria Maria




Caio Fernando Abreu

Que a gente tenha:

Astral bonito
Prece nos lábios
Saudade mansinha
Fé no futuro
Delicadeza nos gestos
Conversa que cura
Cotidiano enfeitado
Firmeza nos passos
Sonhos que salvam


terça-feira, 11 de novembro de 2014

Eu quero a doçura do verbo viver

Eu quero a doçura do verbo viver

"Eu quero um punhado de estrelas maduras...
Eu quero a doçura do verbo viver."

Caio Fernando Abreu


Paula Pfeifer

Olhar tranquilo.
Jeito doce, de pessoa simples.
Ligou alguma coisa aqui dentro, quando 
já achava que meu coração havia virado 
uma daquelas máquinas de misturar 
cimento, sabe?
Duro. Doído. Mas não. 
Vou com fé, acredito no invisível. Nos 
sinais. Basta estar quietinha, prestando 
atenção.

Paula Pfeifer


Doçura